Notícias

Seminário Internacional “Caminhos para a qualidade da educação pública: Impactos e Evidências”

De que forma pode-se conduzir estudos que permitam acumular conhecimento sobre a intervenção e alterá-la na direção de maiores impactos? Como a academia, com suas avaliações e pesquisas educacionais, pode apoiar os gestores nas tomadas de decisão? Quais cuidados devem ser tomados na interpretação das lições internacionais sobre avaliação no contexto brasileiro?

Essas e outras questões serão debatidas no Seminário Internacional Caminhos para a Qualidade da Educação Pública: Impactos e Evidências, segundo da série inaugurada em 2015. Pesquisadores nacionais e internacionais que realizaram avaliações e pesquisas de programas, e gestores, responsáveis pela implementação das intervenções, apresentarão os desafios e os ganhos possibilitados por essa produção de conhecimento.

Dentre os palestrantes confirmados estão: Greg Welch (Universidade de Nebraska), Roberto Lent (Universidade Federal do Rio de Janeiro e Rede Nacional de Ciência para a Educação), Paula Louzano (Universidade de São Paulo), Francisco Soares (Universidade Federal de Minas Gerais e ex-presidente do Inep), Fred Amancio (secretário de Educação de Pernambuco), Raquel Teixeira (secretária de Educação de Goiás), Ricardo Paes de Barros (Instituto Ayrton Senna/Insper), Ricardo Madeira (Universidade de São Paulo), Sergio Firpo (Insper), entre outros.

Entre os casos que serão destacados, está a apresentação pelo Instituto Unibanco do impacto do Jovem de Futuro, sua estratégia de produção e uso de evidências para o redesenho da intervenção. Implementado desde 2007, o programa tem como objetivo fortalecer nas redes públicas de ensino a gestão escolar voltada para resultados de aprendizagem. Desde então, uma série de avaliações com desenho experimental, coordenadas pelo professor Ricardo Paes de Barros, vêm sendo conduzidas. Também alimentam a accountability e o redesenho do programa pesquisas desenvolvidas pelos professores Ricardo Madeira e Sergio Firpo.

Para além do experimento, o Instituto Unibanco também realiza estudos e outros tipos de avaliação a fim de aprimorar suas ações. O trabalho é conduzido em parceria com o setor público e a academia.

O evento é gratuito. Acesse o site para saber mais e participe.