TOPO

‘Centralizar cadastro do Bolsa Família no governo federal é retrocesso’, diz economista sobre plano de Bolsonaro

17/05/2021 | Editado em 17/05/2021 12:19

Em entrevista para o jornal O Globo, Ricardo Henriques, superintendente-executivo do Instituto Unibanco e um dos criadores do Bolsa Família,  aponta que a centralização do cadastro vai na contramão da política social moderna e piora a qualidade da política pública.  Segundo ele, o maior problema é se desconectar da rede de política social instalada nos estados e municípios, pois isso retira a capacidade de articulação política de transferência de renda com a política social e enfraquece a possibilidade de transformação social.

 

 

Compartilhe esta notícia!