TOPO

Educação para quê e para quem?

05/08/2020 | Editado em 05/08/2020 16:08

Em coluna do jornal O Tempo, o professor e escritor Walber Gonçalves de Souza escreve que nossa educação, principalmente a pública, é tratada de forma tão sem valor que todas as discussões que giram em torno dela parecem não apresentar absolutamente nada, inclusive pela própria sociedade. Para ele, entre temas que exemplificam isso está o Fundeb, pois a discussão ganhou notoriedade nas últimas semanas, mas se tornou palanque político.

“Porém o cerne da questão mesmo continua inalterado, que é gestão eficaz do recurso em prol da sua finalidade, que é promover o desenvolvimento das pessoas do País”, escreve o professor.

Compartilhe esta notícia!