TOPO

‘Apagão educacional’: especialistas avaliam perdas no ensino médio do RS com a pandemia

11/08/2021 | Editado em 11/08/2021 16:28

Estudo conduzido pelo Insituto Unibanco aponta que jovens que ingressaram este ano no terceiro ano do Ensino Médio sabem menos do que deveriam saber em português e matemática. Os reflexos dessa perda de aprendizagem são econômicos e sociais, e podem impactar todo o futuro dessa geração, resultando em menos espaço na disputa pelos melhores postos de trabalho. Ricardo Henriques, superintendente-executivo do Instituto Unibanco, classifica o impacto da pandemia como um “apagão educacional” no Brasil. No entanto, ele afirma que é possível criar estratégias pedagógicas para recuperação e aceleração da aprendizagem, a fim de mitigar as perdas, usando a tecnologia e o ensino híbrido em benefício da educação.

Compartilhe esta notícia!