TOPO

Economistas pedem ‘lockdown’ contra “falso dilema” entre salvar vidas e desempenho econômico 

22/03/2021 | Editado em 22/03/2021 16:54

Centenas de economistas e banqueiros do Brasil assinaram uma carta neste final de semana em nome de medidas mais robustas para combater a pandemia do coronavírus, em seu pior momento no Brasil. A carta cobra respeito ao país, à ciência e a uma boa gestão do Governo. Também sugere o lockdown e uma ação nacional coordenada para estancar o quadro de deterioração que o país vive, com tom de urgência para a vacinação em massa, que está atrasada, as campanhas de distanciamento social e uso de máscaras, bem como a concessão de crédito às pequenas empresas que estão endividadas dentro do círculo vicioso que a pandemia criou no Brasil. Para além de um manifesto, o texto demonstra que o setor econômico se afasta do presidente Jair Bolsonaro num momento de baixa popularidade pela gestão da pandemia.

 

Compartilhe esta notícia!