TOPO

Ensino à distância terá evolução

26/01/2021 | Editado em 26/01/2021 17:58

Em 2020, os professores e estudantes foram colocados no desafio do ensino remoto, por conta das medidas de isolamento social ocasionadas pela pandemia. Para o Brasil, este formato era algo novo e os agentes do processo educacional não possuíam experiências e formação prévia para esta implementação. Passado um ano, é possível ver as evoluções deste processo e, parte dos especialistas em Educação afirma que este foi um ganho para o setor. Para Guilherme Cintra, Diretor de Estratégia da Eleva Next, o caminho está na formação híbrida, conciliando atividades presenciais e remotas. O ensino híbrido traz possibilidades nas metodologias ativas. Com ele, você sabe se o aluno está fazendo as questões, quanto tempo ele passa em cada uma. Quando você integra esses dados, consegue ter uma compreensão melhor para gerar um círculo virtuoso de aprendizagem da escola e da comunidade inteira.

Compartilhe esta notícia!