TOPO

Estudantes do Piauí têm semana de acolhimento e debates sobre o Novo Ensino Médio

07/12/2021 | Editado em 16/12/2021 11:12

Fruto de parceria da Secretaria de Estado da Educação do Piauí com o Instituto Unibanco, a Semana de Diálogo com as Juventudes reuniu alunos de 453 escolas, de 21 regionais de ensino

Último encontro da semana foi na capital, Teresina

Milhares de estudantes da rede estadual de educação do Piauí acabam de participar da Semana de Diálogo com as Juventudes, realizada entre os dias 29 de novembro e 3 de dezembro. Promovida pela Unidade de Ensino e Aprendizagem da Secretaria de Estado da Educação do Piauí (UNEA/Seduc-PI), por meio da Gerência de Ensino Médio, em parceria com o Instituto Unibanco, a ação teve por objetivo acolher os estudantes, ampliar a escuta sobre a atual conjuntura e gerar conexão com as mudanças propostas pela reforma do Ensino Médio.

De acordo com o secretário da Educação do Piauí, Ellen Gera, que participou do encerramento da semana em Teresina, o Novo Ensino Médio coloca o estudante no centro da aprendizagem. “O novo Ensino Médio traz esse protagonismo estudantil muito forte, um projeto de vida”, afirmou.

“Sua arquitetura traz os estudantes para o centro do processo e permite que caminhem na escola por aprofundamentos de estudos que façam sentido para eles. Tem muita novidade chegando, mas o principal é que tudo que estamos fazendo com o Novo Ensino Médio é para que a escola, de fato, faça sentido para os alunos, para que queiram ir para a escola”, completou.

A diretora da Unidade de Ensino e Aprendizagem do estado, Maria José Mendes Neta, também lembrou do protagonismo dos alunos.

“Hoje encerramos uma etapa bem importante. No decorrer desses dias estivemos nos polos de Bom Jesus, Picos, Parnaíba e Floriano com essa ação extremamente importante para todos nós, que é a escuta dos nossos estudantes, caracterizando o que vem aí com o novo Ensino Médio, que é o protagonismo juvenil, no qual o nosso aluno tem vez e tem voz. Foi uma ação de grande sucesso, pois os estudantes foram ouvidos, de fato”.

Para Maria Júlia Azevedo, gerente de Implementação de Projetos do Instituto Unibanco, ações como essa realizada pela Seduc-PI é fundamental na implementação do novo currículo.

“É preciso, mais do que nunca, ouvir atentamente os estudantes sobre suas demandas e necessidades, principalmente neste momento em que começamos a superar a pandemia”.

Além disso, ela lembra que “manter um diálogo rente com os estudantes é fundamental para aumentar o engajamento e diminuir a evasão escolar”.

A série de encontros reuniu alunos de 453 escolas, de 21 regionais, tendo como polos os municípios de Bom Jesus, Floriano, Picos, Parnaíba e Teresina. Os eventos aconteceram cada dia em um polo, com duração de meio período cada. Somente no polo de Teresina, o evento ocupou o dia todo. Entre os temas debatidos estiveram a motivação dos estudantes para os estudos, o engajamento para estudar neste contexto, a reforma do Ensino Médio, o protagonismo juvenil e as mudanças que ainda estão por vir na educação.

* Com informações da Secretaria de Estado da Educação (Seduc-PI)

Compartilhe esta notícia!