TOPO

Fase vermelha em SP: saiba quais são os alunos prioritários nas aulas presenciais 

05/03/2021 | Editado em 05/03/2021 17:54

A partir de sábado (6), o estado de São Paulo entra em sua fase mais restritiva, a vermelha. Desta vez, as escolas podem permanecer abertas. A decisão teve como exemplo países europeus, como Dinamarca, França e Reino Unido.  A visão é a de que a escola – desde que cumpra protocolos sanitários e de distanciamento social – também é um serviço essencial. Especialistas têm apontado os riscos do longo período de afastamento das escolas, como déficit de aprendizagem e prejuízos socioemocionais. A medida é válida para a rede privada e pública, o governo sugere que as escolas deem prioridade aos alunos mais vulneráveis, o que podem ser estudantes com deficiências ou dificuldades de aprendizagem, com problemas emocionais, alimentares, sem conexão de internet em casa para ensino remoto.

 

 

Compartilhe esta notícia!