TOPO

Governo ainda não definiu aplicação do Enem digital

30/11/2020 | Editado em 30/11/2020 15:28

A pouco mais de dois meses da primeira edição digital do Enem, o Governo Federal não fechou contrato para a aplicação em computador, nem definiu os custos e os detalhes do sistema tecnológico em que os participantes farão a prova. Ao anunciar o exame digital, em julho de 2019, o governo informou que o projeto-piloto do Enem no computador, para 50 mil candidatos, custaria R$ 20 milhões. No entanto, foram aceitas as inscrições de 96.086 pessoas para essa versão, o que deve ampliar os gastos.

Compartilhe esta notícia!