TOPO

MEC nomeia defensora do criacionismo ligada ao ‘Escola Sem Partido’ para comandar área responsável por material didático 

12/03/2021 | Editado em 12/03/2021 19:14

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, nomeou uma professora universitária defensora do criacionismo e ligada ao movimento “Escola Sem Partido” para comandar o órgão responsável pela coordenação de materiais didáticos do Ministério da Educação (MEC), um dos cargos mais importantes da pasta. Sandra Lima Vasconcelos Ramos é conhecida no círculo conservador e sua nomeação é vista como um aceno à ala ideológica do ministério. Em novembro de 2018, ela assinou uma nota com críticas e sugestões à Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Na ocasião, defendeu uma revisão do documento sob a “perspectiva cristã”. Segundo a reportagem, a nomeação de Sandra é vista com preocupação por servidores de carreira do MEC justamente por representar uma vitória de Carlos Nadalin, principal representante da ala ideológica na pasta.

Compartilhe esta notícia!