TOPO

Países que fecharam escolas por menos dias tiveram pouco ou nenhum déficit de aprendizagem

11/06/2021 | Editado em 11/06/2021 18:06

De acordo com estudo sobre avaliações internacionais feito pela consultoria Vozes da Educação, a pedido da Fundação Lemann, países que ficaram menos dias que o Brasil com escolas fechadas durante a pandemia não tiveram grande perda de aprendizagem ou sequer tiveram algum déficit. Ao contrário do Brasil, que ainda não confirmou a realização da prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) este ano, a maioria das 23 nações analisadas manteve testes nacionais em 2021 para verificar a aprendizagem dos alunos durante a crise sanitária causada pela covid-19. Segundo a Unesco, o Brasil é o segundo país com mais tempo de escolas fechadas, passando dos 260 dias.

 

Compartilhe esta notícia!