TOPO

Prefeitura de BH lista pessoal da educação para calcular número de doses necessárias para priorizar grupo na campanha de vacinação.    

12/02/2021 | Editado em 12/02/2021 14:43

A Secretaria Municipal de Educação (Smed) de Belo Horizonte está fazendo um levantamento sobre o número de profissionais que atuam no setor. O objetivo é verificar quantas doses da vacina seriam necessárias para imunizar esse público, caso ele seja inserido como prioritário no processo de vacinação na cidade. Várias escolas partículares da capital mineira receberam um e-mail com a solicitação de dados de funcionários e professores. De acordo com o texto, a solicitação de informações acontece “a fim de organizar a potencial priorização dos professores e funcionários da educação, nas fases da vacinação da Covid-19”. Sobre a possível vacinação de professores, a administração municipal informou que isso está condicionado à disponibilidade de doses.

 

Compartilhe esta notícia!