TOPO

Webinário discute o fortalecimento de Políticas Públicas focadas na Gestão Escolar

14/05/2021 | Editado em 14/05/2021 17:23

Instituto Unibanco reuniu especialistas em Educação para discutir a importância da Gestão Escolar em evento de lançamento da Coleção Políticas Públicas em Educação

No dia 12 de maio, o Instituto Unibanco realizou o webinário Políticas de Fortalecimento da Gestão Escolar, que contou com o lançamento da Coleção Políticas Públicas em Educação e de seu primeiro volume, Liderança escolar para a melhoria da educação – Contribuições para o debate público no Brasil. Ao vivo e com tradução em libras, o evento contou com a participação Ricardo Henriques, superintendente-executivo do Instituto Unibanco; Mozart Ramos, integrante do Conselho Nacional de Educação (CNE); Dorinha Seabra Rezende, professora e deputada federal (DEM-TO); e José Weisten, diretor do Programa de Liderança Educacional na Universidad Diego Portales- (UDP). A mediação foi de Mirela Carvalho, gerente de Gestão do Conhecimento do Instituto Unibanco.

Abrindo o evento, Ricardo Henriques falou sobre a importância da coleção e da primeira edição, focada na liderança escolar.

“A intenção dessa coleção é criar subsídios para gestores, técnicos e educadores envolvidos nas políticas públicas educacionais. A ideia é que o material permita ajudar na tomada de decisões, servindo como referência com evidências conceituais, experimentais e práticas. Esperamos que a Coleção Políticas Públicas em Educação seja capaz de contribuir para o avanço da qualidade do processo da Gestão Pública. Esse primeiro número foi feito em parceria com Universidad Diego Portales- (UDP) e aborda a liderança educacional ancorado em pesquisas de diversos países, mostrando como o debate internacional lida com o tema e como as políticas públicas em educação estão sempre dialogando com essa agenda”, destacou.

Em seguida, Mozart Ramos falou sobre o papel fundamental da regulamentação da Base Nacional Comum das Competências do Diretor Escolar, aprovada pelo CNE. Segundo ele, a aprovação foi fruto de árduo trabalho e de discussões do Conselho.

“A partir de muitos estudos e evidências, nós construímos em primeiro lugar as competências gerais que todo diretor escolar precisa desenvolver. E isso foi pensando em diálogo e em correlação direta com as competências gerais que os estudantes precisam desenvolver ao longo de toda Educação Básica, garantidas na Base Nacional Curricular Comum (BNCC). Essas competências são mandatórias e devem ser aplicadas em todas as redes”, afirmou.

Dorinha Seabra Rezende, por sua vez, trouxe informações sobre a Emenda Constitucional nº 108/2020, que instituiu permanentemente o Novo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), da qual foi relatora. E falou sobre nove projetos de lei sobre escolha de diretor escolar, em discussão na câmara dos deputados.

“É muito importante refletirmos o processo de escolha do diretor escolar e a formação desse profissional. Um diretor bem preparado é uma peça-chave para conquistar avanços em cada escola”, declarou.

Encerrando o encontro, José Weisten, da UDP, apresentou informações sobre o primeiro estudo da coleção, resultado da parceria com o Instituto Unibanco. Abordou também a necessidade da regulamentação de políticas para o desenvolvimento de liderança educacional, destacando que existem claras evidências, em diversos países, que relacionam diretamente o papel da liderança com o avanço escolar. Na América Latina, segundo ele, existem ótimas tendências de ações para valorizar e incentivar os trabalhos dos diretores escolares, em países como México, Equador e Brasil, que contam com novos sistemas de seleção e incentivos salariais.

“O desenvolvimento e formação de boas lideranças escolares é visto hoje em dia como fundamental para as conquistas de avanços educacionais”, finalizou.

Para assistir à íntegra do webinário Políticas de Fortalecimento da Gestão Escolar, acesse https://www.youtube.com/watch?v=vD1NsSx3qK4

Compartilhe esta notícia!