TOPO

Estudo da OCDE aponta que o Brasil tem uma das piores remunerações para professores no mundo

27/09/2021 | Editado em 27/09/2021 18:32

Ricardo Henriques, superintendente-executivo do Instituto Unibanco, em sua coluna semanal na rádio CBN, destaca dados sobre salário dos professores da pesquisa Education at a Glance da OCDE. Dos 40 países analisados, o Brasil está acima apenas da Eslováquia e da Hungria. Segundo o especialista, a remuneração média é a mais baixa em todas as etapas do ensino, e do ensino médio em particular, ela é quase metade do que recebe os docentes nos demais países. Para Henriques, são necessárias medidas coordenadas, progressivas, guiadas, para reverter este cenário, investindo na formação inicial, aumentando não só a chance de atração de talentos como também a retenção. “Valorizar o professor é valorizar a educação como um todo”, defende.

 

 

 

 

Compartilhe esta notícia!